O gênio das sapatilhas faz 73 anos

Mikhail Baryshnikov é um gênio da dança. Lenda viva, adorado nos palcos e nas telas, ele não apenas popularizou o ballet desde os anos 1970s como é considerado um dos maiores bailarinos de todos os tempos. Quem o viu dançar, pessoalmente ou em filme, viu Deus. sem exageros. Tive o privilégio de ter visto Rudolf Nureyev, Fernando Bujones e outros ícones, mas ver Baryshnikov (vi duas vezes), foi inesquecível. Hoje, 27 de janeiro, ele completa 73 anos de vida.

Nascido na Letônia, Mikhail Baryshnikov começou a estudar balé em 1960 e em 1964 já era aceito na prestigiada Escola Vaganova, em São Petersburgo. De lá para o Kirov Ballet foi um salto, e, com apenas 18 anos, Misha já se destacava como o melhor de sua geração.

Ágil e leve, Misha tem uma técnica apuradíssima e é versátil. Com alma inquieta e curiosa, virou celebridade mundial quando fugiu da União Soviética, em plena guerra fria, quando estava em uma turnê no Canadá, em 1974. Os Estados Unidos virou seu novo país e Baryshnikov, com seu grande carisma, popularizou o ballet ao redor do globo.

Em 1977 estreou em Hollywood, no filme Momento de Decisão, ao lado de Shirley MacLaine, e foi indicado ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante. Nos palcos, dançou com Georges Balanchine e se encantou com Twyla Tharp, flertando tanto com o clássico como o moderno.

Quando assumiu a direção artística do American Ballet Theatre, nos anos 1980s, acabou se envolvendo em disputas com outras estrelas (Fernando Bujones e a ex-namorada, Gelsey Kirkland eram desafetos), mas deu também oportunidade para novos talentos e criou estrelas, como Julie Kent, para citar apenas uma.

Naturalizado americano, Baryshinikov se afastou do ABT no final dos anos 1990s e criou o White Oak Dance Project, assim como o Baryshnikov Arts Centre, em Nova York, incentivando novos talentos.

Depois de Momento de Decisão, fez sucesso no filme O Sol Da Meia-Noite, ao lado de Gregory Hines, Isabella Rosselinni e Helen Mirren. Nos anos 2000s aceitou fazer uma participação na temporada final de Sex and The City, como par romântico de Sarah Jessica Parker. Sua personagem, Aleksandr Petrovsky, era um artista plástico. O bailarino pediu para que não o colocassem ligado à dança para não o associarem à sua própria vida pessoal.

Atualmente, Baryshnikov se dedica ao projeto Hell’s Kitchen Dance, e vive perto de Nova York, com a ex-bailarina, Lisa Rinehart.

Veja alguns vídeos de Mikhail Baryshnikov dançando.

Na Rússia:

Em O Sol da Meia Noite


Em Momento de Decisão

1 comentário Adicione o seu

  1. Ani disse:

    Republicou isso em Ani Dabar.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s