Um marco na música: What’s Going On

Marvin Gaye foi um gênio. Voz linda, ritmo e emoção. Hoje, 22 de maio de 2021, completam 50 anos do lançamento o que é considerado seu Melhor Álbum e um dos Melhores de todos os tempos: What’s Going On.

O álbum é marcado por um “novo” Marvin. Depois de perder sua parceira de palco e amiga, Tammi Terrell, morta em seus braços durante uma apresentação por causa de um tumor cerebral., Marvin levou um tempo para retornar e solo. O álbum, vindo de dor e conscientização foi polêmico, mas é perfeito.

O álbum conceitual assustou a gravadora, mas foi sucesso absurdo de vendas e crítica. No período de depressão que se seguiu depois da morte de Tammi, Marvin começou a usar cocaína (que mais tarde, tortuosamente, marcaria sua trágica morte), o casamento com Anna Gordy começou a ter problemas (que levaria a outro álbum marcante) e houve até uma tentativa de suicídio. Foi quando, ele disse, se reconectou com sua espiritualidade. Tentou ser jogador de futebol americano, mas voltou para a música.

Os anos 1970s também foi marcado pelo movimento dos direitos civis e a Guerra no Vietnã (onde o irmão de Marvin lutou), assim como as discussões de questões ambientais. Marvin queria que tudo isso fizesse parte de sua música.

A letra de What’s Going On mescla o questionamento de Marvin sobre as injustiças do mundo, mas o nome surgiu de uma conversa que teve sobre a violência e brutalidade da polícia contra manifestantes com o vocalista do Four Tops. Obie Benson perguntou “what’s going on? what’s happening here??”(o que está acontecendo?). Al Cleveland escreveu a base da canção com Benson, mas o Four Tops não quis gravar. Obie então mostrou para Marvin, no violão, que mudou parte da melodia e das letras, passando a ser creditado como co-autor. Segundo Obie, o cantor transformou em uma história pessoal, uma carta bem sentida e dedicada ao irmão que tinha acabado de voltar do Vietnã.

Berry Gordy, dono da Motown, detestou e chamou What’s Going On de álbum protesto. Quis impedir o lançamento, mas Marvin estava decidido.

As gravações mantiveram o clima de bastidores, com conversas e improvisos mantidos na mixagem.

Além da clássica título, que abre o álbum, há destaque para Save the Children, God is Love, Mercy Mercy Me (The Ecology) e Inner City Blues. É um álbum perfeito para se ouvir repetidamente.

Mother, mother
There’s too many of you crying
Brother, brother, brother
There’s far too many of you dying
You know we’ve got to find a way
To bring some lovin’ here today, ya

Father, father
We don’t need to escalate
You see, war is not the answer
For only love can conquer hate
You know we’ve got to find a way
To bring some lovin’ here today

Picket lines and picket signs
Don’t punish me with brutality
Talk to me, so you can see
Oh, what’s going on
What’s going on
Ya, what’s going on
Ah, what’s going on

In the mean time
Right on, baby
Right on
Right on

Mother, mother, everybody thinks we’re wrong
Oh, but who are they to judge us
Simply because our hair is long
Oh, you know we’ve got to find a way
To bring some understanding here today
Oh

Picket lines and picket signs
Don’t punish me with brutality
Talk to me
So you can see
What’s going on
Ya, what’s going on
Tell me what’s going on
I’ll tell you what’s going on – Uh
Right on baby
Right on baby

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s