A música protesto sobre zumbis e o clássico dos Cranberries

The Cranberries foi uma das bandas mais populares e significativas dos anos 1990s, muito por conta do talento e carisma da vocalista, Dolores O’Riordan.

Principal compositora do grupo, Dolores faleceu em circunstâncias ainda discutidas em 2018, depois de batalhas contra depressão e drogas. Sua voz característica, com forte sotaque irlandês, impactou o mundo pop com canções românticas e também politizadas, como Zombie, que fecha o filme de Zack Snyder, Army of the Dead.

JOEL SAGET/AFP via Getty Images

Dolores merece um post apenas para ela. No caso de Zombie, que é um dos maiores sucessos da banda e uma das mais tocadas no Spotify, a letra se refere à morte de duas crianças, Johnathan Ball, de 3 anos, e Tim Parry, de 12 anos, que morreram em 1993 depois de terem sido atingidos por bombas escondidas no lixo pelo I.R.A. e que foram detonadas na cidade de Warrington, ao nordeste da Inglaterra. Johnathan morreu na hora e Tim morreu nos braços de seu pai, a caminho do hospital. Eles estavam no local porque foram comprar um cartão para suas mães, na véspera do Dia das Mães.

Dolores, como o mundo, ficou comovida com o atentado e explicou que naquele momento só repetia “It’s not Me”(não sou eu) quando pensava que era irlandesa e a bomba era um ataque pela independência de seu país. Claro que a crítica não foi bem recebida e a artista mesmo admitiu que foi a canção mais agressiva que tinha escrito até então. Mas não tinha vergonha de opinar.

Inicialmente chamada de In Your Head, a referência a zumbi é uma crítica à sociedade que não evolui, que mantém preconceitos e reduz a capacidade de pensamento crítico.

A música mais pesada, em plena época grunge, dominou as paradas mas não foi apenas a letra que causou incômodo. O vídeo da banca foi banido da BBC, por ser considerado com imagens violentas e apenas a versão ao vivo era exibida. O vídeo tinha Dolores em frente a uma Cruz, cercada de crianças brincando com jogos de guerra, além de murais com símbolos de movimentos separatistas e soldados ingleses.

Vale relembrar

Another head hangs lowly
Child is slowly taken
And the violence, caused such silence
Who are we mistaken?But you see, it’s not me
It’s not my family
In your head, in your head, they are fighting
With their tanks, and their bombs
And their bombs, and their guns
In your head, in your head they are cryingIn your head, in your head
Zombie, zombie, zombie-ie-ie
What’s in your head, in your head
Zombie, zombie, zombie-ie-ie, ohDu, du, du, du
Du, du, du, du
Du, du, du, du
Du, du, du, duAnother mother’s breaking
Heart is taking over
When the violence causes silence
We must be mistakenIt’s the same old theme
Since nineteen-sixteen
In your head, in your head, they’re still fighting
With their tanks, and their bombs
And their bombs, and their guns
In your head, in your head, they are dyingIn your head, in your head
Zombie, zombie, zombie-ie-ie
What’s in your head, in your head
Zombie, zombie, zombie-ie-ie
Oh oh oh oh oh oh oh, ay, oh, ya ya

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s