A polêmica Ana Bolena revista em nova série

A História tem várias versões sobre a ascensão e especialmente a queda de Ana Bolena como Rainha da Inglaterra. Ainda assim, livros e filmes não parecem responder exatamente o que levou o amor da vida de Henrique VIII perder a cabeça em apenas pouco mais de dois anos no trono. A nova série no ar na Inglaterra, Anne Boleyn adiciona mais sugestões à discussão.

A começar por ter Jodie Turner-Smith como Ana. O talento da atriz não a blindou das críticas à escolha. A série quer recontar seus últimos meses de vida com toques de suspense e aproveitando a versão moderna, que sugere que Ana foi vítima de um complô político mais do que de fato tenha sido adultera ou até… bruxa.

A Ana Bolena de Jodie é desbocada, agressiva mas em crise no casamento. Henrique VIII não está mais apaixonado e ela está cercada de inimigos. Há o beijo de Ana em Jane Seymour, que comprova que a série quer mesmo gerar discussão.

Críticos listaram que a versão criada mescla fatos possivelmente verdadeiros com outros absurdos.

Historiadores concordam que o desgaste do processo de anulação do casamento entre Henrique VIII e Catarina de Aragão foi imenso. Séries como Wolf Hall e The Tudors também confirmam que sua disputa com Thomas Cromwell pela influência sobre o rei não a ajudaram, afinal, mulher inteligente em 1536 só poderia ser bruxa.

A arrogância de Ana parece ser um lado aceito por todos. Ela era inteligente e ambiciosa, mas “perdeu a mão” quando alcançou seu objetivo de se tornar Rainha. Suas críticas à uma rainha adorada como Catarina, celebrando abertamente sua morte com uma festa, não ajudaram. Claro que Ana levou a culpa sozinha quando havia o direto envolvimento do Rei, assim como sua aprovação.

No primeiro episódio mostram que Ana e Cromwell já estão brigando, Henrique já vive um caso com Jane e Ana perde o bebê – que poderia a ter salvo – por estresse. Também reforça a mudança de personalidade do monarca após o acidente que bateu a cabeça e quase morreu. Sua atitude passou de passional para puramente tirania, mandando para a morte inimigos e desafetos sem causa comprovada. E, sugere que a primeira bíblia traduzida para o inglês só aconteceu por causa da dedicação de Ana.

Ainda é cedo para ver o que mais possam sugerir, mas a recepção foi dividida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s