The White Lotus: sem segredos, mas nada óbvio

Parte do segredo do sucesso de The White Lotus está na sua simplicidade. Em um resort, um crime pega pessoas de surpresa e – ao voltar no tempo – vamos deduzindo quem fez a viagem final para a Sicília. Teorizamos, buscamos pistas e no final era o mais obvio de todos. O que só fez ser ainda mais brilhante.

Vamos acabar logo com o suspense: a vítima principal foi mesmo Tanya McQuoid (Jenniffer Coolidge), alvo de um golpe de Greg (John Gries), que queria o dinheiro e o prenup o deixaria pobre. Por isso ele queria que a mulher estivesse sozinha na Sicília e se irritou com a presença de Portia (Haley Lu Richardson).

Quentin (Tom Hollander) jamais admite que ele e Greg eram amantes (ele chama o namorado de “Steve”, qual é o nome verdadeiro de Greg ficou para o universo) mas ele pagou a Jack (Leo Woodhal) para tirar Portia de perto de Tanya e demorou, mas a jovem se tocou do que estava acontecendo. Ela tem dificuldade para alertar a chefe, e, quando consegue, já é tarde demais. Tanya está sozinha em um iate, cercada de seus inimigos. O episódio fica então extremamente tenso e claustrofóbico, mas, mesmo antecipando que é o “fim” para a milionária, Mike White nos provoca com uma vã esperança.

Em tanto desespero como nós, Tanya busca uma saída e não há. Niccolo tem corda, fita adesiva e uma arma na bolsa e era ele quem a levaria para o hotel. Sem pensar, usa o revólver atirando descontroladamente e só parando quando – sem munição – vê o rastro de corpos que deixou no iate. Com medo do que ainda possa acontecer, Tanya tenta descer até o bote, mas escorrega e bate contra o barco antes de cair na água. Adeus, Tanya. Greg conseguiu ser um viúvo milionário.

As férias tóxicas de Daphne (Meghann Fahy), Cameron (Theo James),  Ethan (Will Sharpe) e Harper (Aubrey Plaza) chegam ao ápice. No grande questionamento de verdade ou mentira, Ethan “sabe” que Harper mentiu e consegue arrancar dela meia confissão que fez sexo com Cameron. Os amigos saem no tapa e, coincidentemente horas depois Ethan esbarra com Daphne. Como Harper antes, ele conta para ela o que o marido fez, mas ela tem a mesma reação. Ou quase. Para Harper ela sugeriu trair Ethan, mas quando sabe que foi com Cameron que ela escolheu se vingar, dá o mesmo troco seduzindo Ethan. Não vemos nada, mas, sem palavras ou promessas, finalmente Ethan e Harper se reconciliam e os quatro, mentindo mutualmente, seguem com suas vidas como nada estivesse melhor entre eles. Nada de verdades, apenas as mentiras.

No mesmo tom, Lucía (Simona Tabasco) engana Albie (Adam DiMarco) e ele dá a ela 50 mil euros. Para ajudar ao pai, o rapaz “mente” para sua mãe a favor do pai e tudo se acerta. No final, ninguém mais fala a verdade.

Apesar de que todas as indicações e sinais foram dados tanto para Tanya quanto a gente desde o início, o episódio final é uma aula de como angústia e tensão podem ser construídas em situações “pequenas” e obvias. Uma temporada divertida e já que teremos a terceira, que virá em 2024, Será mesmo nas Maldivas como Dapnhe sugere?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s