The Smiths é a trilha perfeita para nova temporada de The Crown

I am the son
And the heir
Of a shyness that is criminally vulgar
I am the son and heir
Of nothing in particular

Assim abre a genial How Soon is Now, do The Smiths, de 1984. E essa é a canção da nova promo da 4ª temporada de The Crown, que estréia dia 15 de novembro.

Escrita por Morrissey e Johnny Marr, que criou o som único da guitarra tão característico da música, a canção não foi muito divulgada (era apenas um lado B), mas virou um dos maiores sucessos da banda. Sem surpresa, está na lista da Rolling Stone como uma das 500 melhores canções de todos os tempos. A proposta de Johnny era de criar uma longa canção usando uma única nota. O nome original era Swamp. A frase de abertura é uma citação de Morrissey de um livro escrito por George Eliot, Middlemarch e que diz “To be born the son of a Middlemarch manufacturer, and inevitable heir to nothing in particular“. Morrissey fez a letra – simples e direta – em uma noite, gravando a canção em apenas dois takes.


A letra fala de uma pessoa depressiva, que busca amor e aprovação, mas sempre depara com a decepção.

You shut your mouth
How can you say
I go about things the wrong way?
I am human and I need to be loved
Just like everybody else does

There’s a club if you’d like to go
You could meet somebody who really loves you
So you go and you stand on your own
And you leave on your own
And you go home and you cry
And you want to die

Morrissey e Johnny Marr, em 1984 (Getty Images)

How Soon Is Now foi citada pelo importante produtor e empresário de música, Seymour Stein, como a “Stairway to Heaven dos anos 1980s”. Foi regravada e apareceu na série Charmed e nos filmes The Craft e Closer. Agora, no The Crown.

O nome de Swamp foi trocado How Soon Is Now? como uma citação da feminista Marjorie Rosen, no livro Popcorn Venus, um dos favoritos de Morrissey.

When you say it’s gonna happen “now”
When exactly do you mean?
See I’ve already waited too long
And all my hope is gone

A escolha de How Soon Is Now para apresentar The Crown nos anos 1980s é brilhante. A banda, anti-monarquista e anti-Thatcher, era muito politizada e crítica da política e estrutura do Reino Unido. Vindos de Manchester, uma cidade industrial e ressentida pelo desemprego no período que a série vai mostrar, é perfeito.

Além disso, o sentimento depressivo da letra se aplica tanto ao príncipe Charles quanto a princesa Diana. Charles, o herdeiro buscando a aprovação popular e dos pais. Diana, carente de amor em casa, busca o amor do marido. Ambos se sentem isolados.

Podemos perguntar: quanto breve chegará 15 de novembro? Vem logo!

Veja o trailer

Quer saber mais sobre:

2 comentários Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s