Hamlet, o ballet

No teatro, Hamlet é uma das peças mais importantes para atores, um dos melhores textos escritos por William Shakespeare. No mundo da dança, porém, das histórias do bardo inglês, Romeu e Julieta é de longe o maior sucesso. No entanto, o drama do príncipe dinamarquês já foi levado aos palcos sim e com elencos impressionantes.

Uma das primeiras montagens é a do Royal Ballet, de Robert Helpmann, em 1942. Embora Robert fosse ídolo e sua obra respeitada, a coreografia não resistiu à prova do tempo e só teve uma remontagem depois da estreia, com Rudolf Nureyev e Anthony Dowell se revezando no papel título.

Robert Helppmann, em 1942, como Hamlet

Com música de Tchaikosvky, na visão de Robert Helppmann, pouco antes de sua própria morte, Hamlet revive alguns momentos marcantes de sua vida, que estão na peça de Shakespeare. Robert era ator e bailarino, uma das maiores estrelas da companhia na época (maior do que Margot Fonteyn ou Moira Shearer) portanto sua obra tinha o que chamam de dança-drama, onde a interpretação tem um peso igual à habilidade técnica. Foi o que atraiu Nureyev e Dowell, mais de 20 anos depois da estréia, em 1964.

A versão de Robert Helppmann não voltou mais a ser montada, nem mesmo no Royal Ballet. Nos anos 1980s, John Neumeier criou para Marcia Haydée sua versão do clássico e o elenco, meu Deus. Além de Marcia, como Gertrude, tinha Erik Bruhn (que também dançou a versão do Royal Ballet com Nureyev), Gelsey Kirkland como Ophelia e Mikhail Baryshnikov como o príncipe dinamarquês.

Hamlet Connotations não foi abraçado pela crítica. O ballet, montado com o American Ballet Theatre, com música de Aaron Copland, não tinha o aspecto freudiano da versão do Royal (onde Hamlet vê Gertrude e Ophelia como uma pessoa só) e o que se tem registrado da apresentação é uma coreografia fria e conceitos mau usados.

Na Rússia há mais de uma versão de Hamlet sendo a mais reconhecida a de Konstantin Sergeyev. Mas com esses elencos de 1960s e 1980s, jamais veremos. Uma pena!

Veja Nureyev com Fonteyn, em 1977

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s