A beleza atemporal de Françoise Hardy

Françoise Hardy é um dos ícones da cultura dos anos 1960s, na música e na moda. Com sua voz suave, beleza física e musical, ela ganhou fama international aos 17 anos e nunca parou. Bob Dylan, Mick Jagger, Keith Richards, George Harrison, Paul McCartney, John Lennon e Brian Jones se encantaram com essa francesa alta, de franjinha e sinônimo de cool. Quase seis décadas depois, aos 77 anos, ela ainda desperta paixões.

Há três anos ela escreveu sua biografia, The Despair of Monkeys and Other Trifles e lançou mais um álbum, Personne d’Autre (Minguém mais), o primeiro depois de um hiato de seis anos. É que desde 2004 que a cantora luta contra um câncer linfático agressivo sendo que em 2016, depois de entrar em coma, chegou a ser desacreditada pelos médicos. Chegamos em 2021 com ela ainda linda, perfeita.

O susto a fez voltar a ser criativa, mas sem esconder que está em processo de despedida. Aliás, ela nunca foi de meias palavras. Excelente aluna, ganhou um violão como prêmio por suas boas notas. Desde que escreveu as primeiras canções, não demorou a ser descoberta e fazer sucesso. Tout Les Garçons Et Les Filles é até hoje um hit.

Françoise nunca se incomodou que sua inegável beleza despertasse a mesma curiosidade que seus looks. Ela soube usar a seu favor, posando para ensaios fotográficos de Richard Avedon e contando com figurinos exclusivos de André Courrèges (vestidos futuristas) e Paco Rabanne (o icônico vestido de metal que pesava quase 15kg!). Ea é das famosas que adotou o smoking feminino de Yves Saint Laurent. Uma combinação de sonhos.

Com música e poesia frequentemente melancólicas, Françoise surpreendeu a alguns com o que revelou em seu livro. Além de que seus pais nunca se casaram (na verdade o pai era casado com outra mulher), ela falou abertamente sobre a esquizofrenia da irmã e da eutanásia na morte de sua mãe, que pediu por ela. A cantora também revela que seu pai assumiu a homossexualidade depois de mais velho e que foi assassinado por um amante mais jovem. Mas nunca perde a sensibilidade para tocar em temas tão íntimos e difíceis.

Essa semana, Françoise voltou a ser notícia na França por desabafar sobre sua saúde, dizendo viver um pesadelo e dizendo abertamente, ser a favor da eutanásia. “Por causa da radioterapia, nos últimos dois anos perdi a audição em um dos ouvidos, não salvo mais, tenho problemas respiratórios e alimentares”, comentou em uma entrevista.

Muito triste saber de sua dor, ainda mais que há 60 anos esteve presente com músicas tão doces. Na torcida para que – de alguma forma – Françoise encontre sua paz.



Aqui uma playlist

1 comentário Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s