A entrevista que provocou o furacão Diana

Muito se fala da entrevista da princesa Diana à BBC e, agora, como ela foi fechada através de mentiras e manipulação. Mas ela foi, na verdade, parte da vingança de Diana contra Charles.

A primeira parte foi a publicação da biografia assinada por Andrew Morton. Nela, Diana admitia seus problemas de bulimia e tentativas de suicídio, mas colocava 100% da culpa de sua infelicidade nos ombros de Charles e a Família Real. Também jogava no ventilador a relação entre o marido e Camilla Parker Bowles, na época ainda casada. A princesa sabia que o público a apoiaria

Frustrado, alguns dizem que Charles seguia alimentando a imprensa contra Diana, uma informação que colaborou para aumentar ainda mais a animosidade entre os dois e o ressentimento mútuo. O fato é que, com a biografia, a popularidade do futuro Rei despencou ainda mais. Ele ficou quieto, mas ao passar por uma tentativa de assassinato, recuperou alguma simpatia. Assim, decidiu fazer uma entrevista com a BBC onde respondeu sobre as acusações do livro. A parte mais lembrada foi a de, ao admitir que foi infiel, dizer que “só traiu depois de que o casamento estar irremediavelmente quebrado, mesmo com ele e Diana tendo tentado. Em vez de se sentir validada pela admissão, Diana ficou furiosa.

Na noite da entrevista, escolheu hoje o famoso vestido da vingança para ressaltar sua beleza e juventude, em especial comparação à Camilla. Mas não foi suficiente. Até então, ela negava ter participado da biografia, então ainda precisava que o mundo a ouvisse falando de suas tristezas. Fica a possibilidade de que, se Charles não tivesse falando com a BBC , o desfecho da vida de Diana fosse outro.

A entrevista de Charles é honesta e reveladora. Sua praticidade é obvia, ele não sofre ao falar do fim do casamento. Também ficava claro que ele não amava mais Diana e que não sabia mais o que fazer para desfazer da armadilha na qual Diana caiu, a de um casamento de conveniência.

A grande tristeza fica ao juntar as percepções de ambos. Charles era imune à febre Diana, talvez o único no planeta. E Diana, mesmo com a falta de conexão, amava o marido. Ela não queria perdê-lo, ela o queria com exclusividade. Não havia altetnativa que resolvesse o impasse.

Esse drama estará na quarta temporada de The Crown. Resta saber o quanto darão destaque aos dois. As entrevistas serão essenciais para isso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s