A fluidez de Loki

Quando perguntado sobre Loki, antes do lançamento, Tom Hiddleston inteligentemente respondeu – com todo cuidado para evitar spoilers – que “WandaVision era sobre luto, Loki é sobre escolha de identidade”, disse.

A essa altura, Tom já está com a personagem há mais de 10 anos e sabe muito bem do que está falando. Está à vontade e confesso, quando vi os trailers me perguntei sobre os maneirismos, achando exagerados, porém está em um bom ritmo. Aliás, os trailers têm alguns spoilers de coisas que ainda não apareceram nos dois primeiros episódios, mas ainda fora de contexto.

Loki, versão 2012 e pré redenção, ou seja, “mau”, claramente ainda não se convenceu de mudar de planos e ajudar a TVA. Qualquer um com um mínimo de raciocínio estranha um triunvirato que decide qual é a linha do tempo sagrada, eliminando as outras.

A cena de abertura, com a equipe da TVA sofrendo um ataque em 1985, tem como trilha sonora Holding Out for a Hero, que é um recado para o anti-herói Loki. Como estrela da história, “esquecemos” que ele foi de fato vilão em mais de um filme da franquia, ele não pode ser uma personagem confiável. Por outro lado, como diz o ator, é um momento de definição de que Loki vai prevalecer.

Mobius, carismático e inteligente, faz sua parte mesmo que quebrando regras. Ele e Loki estão em um jogo divertido de manipulação e o talento de Owen Wilson é o que traz uma dinâmica deliciosa para essa dupla improvável. O plano aparentemente é simples: Loki tem que descobrir sua versão Loki que está trazendo caos para o mundo e pará-la. Claro que tudo faz parte de algum golpe já desenhado em sua mente e de fato ele faz a diferença. No entanto, como antecipado e registrado como sua fluidez, sua versão caótica e aparentemente antagônica é feminina, algo que fecha o episódio sem nos entregar o que dois Lokis juntos podem fazer.

Sabemos que eventualmente vão se separar, há as imagens do trailer que entregam isso, porém ainda não sabemos tudo. E dá curiosidade!

O fato é que a Marvel está em um patamar incrível de entrega: todas as séries e filmes estão perfeitamente interligados e podem ser curtidos separadamente. WandaVision reinventou uma narrativa para uma trama emocionante e triste, Falcão e Soldado Invernal apostou em uma fórmula mais conhecida e Loki ainda não apresentou viradas, mas desconfio que estejam por vir. Sem prévio conhecimento do HQ, nada se perde, mas não ajuda para teorizar. Claramente a TVA, como a S.H.I.E.L.D, não é “boazinha”. Assim como Mobius não joga sem roubar, como Nick Fury. A pena é saber que nem todos estarão juntos novamente, seria incrível ver Mobius com os Avengers.



Ainda há mais quatro episódios antes de concluir (por hora) a trajetória de Loki. Quando acabar, teremos o filme da Viúva Negra nos cinemas. Eu ainda aposto na rendenção de Loki na timeline que estamos acompanhando… será?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s